Bandeira espanhola .es | +351 920 331 492 | Nós ligamos-lhe GRÁTIS!

Encadernação de teses de doutoramento

Exemplo aleatório duma tese de doutoramento

0.— Considerações previas


O processo de encadernar a Tese de Doutoramento ou o Projecto de Fim de Curso é o passo final para ter a tese preparada para apresentar e defender. Nesta web temos conselhos para desenhar e fazer a maquetação das teses de doutoramento , inclusive desenho e maquetação de teses de doutoramento com sangria e o desenho de capas para as teses de doutoramento e também desenho dos CDs de tese de doutoramento no caso de que fossem necessários.

Todos os passos anteriores se realizam no computador e com eles obtêm-se os arquivos electrónicos a partir dos quais se pode imprimir a tese de doutoramento e dessa forma já temos o livro preparado para encadernar.....

1.—Encadernação tese de doutoramento

Tecnicamente, a encadernação rústica moída consiste em pegar no conjunto de folhas que compõem o livro, prensá-lo a uns 10 mm da borda e passá-lo por uma "fresadora" que provocará divisões na parte de trás assim como abrir os poros nas fibras da celulose para, a continuação, aplicar cola a 250 graus de temperatura e seguidamente sometê-lo a uma pressão de 15 atmosferas, de tal modo que a cola penetre pelas divisões e poros e desta maneira criar um "bloco" que aguente as folhas completamente e firmemente unidas entre si. É mais fácil rasgar uma folha que arrancá-la pela parte de trás!

Este processo, o fresado, é um processo industrial, standard no processo editorial moderno, e que não é a colagem que ainda fazem em algumas oficinas de artesanato, o qual consiste em fixar as folhas num torno e aplicar cola fria com uma broca.

O resultado da encadernação duma tese de doutoramento moída é análoga à costura que se fazia antigamente e que só se pode fazer quando se imprime em partes muito grandes que depois se dobram e cosem para manter unidos essas dobras. Alguns doutorandos foram enganados com a costura com o intuito de por uns fios que se deixam à vista: a costura só tem sentido com dobras grandes; se não é absolutamente inútil

Ao processo de fresado moderno é lhe chamado "costura química", porque o resultado é tão estável como a costura clássica e pode-se aplicar aos documentos obtidos por impressão digital em folha solta. Este feito pode-se ver no video do apartado 2, no minuto 4:51; veja-o!, é claramente instrutivo.

No seguinte video mostramo-vos como é a encadernação das teses de doutoramento que fabricamos, que como se puede ver no tiene nada que ver con los procesos viejos que se utilizaban en los talleres de artesanía, Como veis, no hay brocha para encolar.




2.—Portadas de tesis duras vs blandas.

En el proceso fresado siempre se ha de utilizar una portada de tesis blanda, como soporte del conjunto. Por tanto la tapa blanda de la tesis doctoral es la estandard y siempre esta incluida. La tapa dura de la tesis doctoral es un extra , por tanto,que se añade al final y es un extra sobre el proceso estandard.

En este video se muestran como son las tapas duras de tesis doctorales que hacemos así como la diferencia entre la tapa blanda y la dura. Esto en concreto esta en el minuto 3:55, por si no puedes dedicar los 7 minutos que dura el video. Al final, en el minuto 4:51 se muestra la fiabilidad del encuadernado fresado.



3.—Desbarbado y laminado de tesis doctorales

En el siguiente video os mostramos como es el cortado final (técnicamente llamado desbarbado) que hacemos para el "remate" final de las tesis doctorales. Para que todos los bordes queden igualados, los libros ya encuadernados son cortados "uno a uno" para no producir arrugas en los lomos y que el resultado final sea perfecto.



En el siguiente video os mostramos como es el laminado de las portadas de las tesis doctorales. Este proceso no solo realza el resultado final; sobre todo protege el conjunto y le da durabilidad a la tesis doctoral.






Capas de Teses de doutoramento

A capa de uma tese de doutoramento é o primeiro que se vê...[saber mais sobre as capas de teses de doutoramento]